Conecte-se conosco

Artigos

A relevância de Skyrim há 10 anos e o que esperar do novo Elder Scrolls

Publicado

em

skyrim 10 anos relevante

A Bethesda é um dos nomes fortes do mercado de games há mais de 30 anos, uma vez que surgiu ainda em 1986 com o hoje esquecido Gridiron!, lançado para Atari e Amiga, e se mantém relevante como uma das principais desenvolvedoras do segmento.

Já a série Elder Scrolls, um dos maiores sucessos da empresa, está no mercado há absurdos 27 anos, um marco em geral só atingido por franquias lendárias como Sonic (SEGA) e Mario (Nintendo); o mais interessante é que, longe de ter o status cult dos personagens e games citados acima, o ES é muito popular em seu nicho.

Acontece que, como todos os fãs já sabem, a série de games não sabe o que é ganhar um novo jogo há 10 anos, desde que saiu o sucesso mundial Skyrim, em 2011. Por mais que a Bethesda tenha explorado o game à exaustão, o que todos querem saber é se e quando um novo lançamento verá a luz do dia.

Para se ter noção da ansiedade, é possível encontrar palpites de data de lançamento do ainda não-batizado game nos sites de apostas, que oferecem até condições especiais para os interessados nesse tipo de coisa, como o código bônus bet.pt. Muito por conta desse sucesso e do intervalo de 4 ou 5 anos em média entre lançamentos inéditos da série, a especulação acerca do tão sonhado volume VI da série é constante e crescente.

Em uma coisa, porém, não se pode criticar a Bethesda: a empresa sabe como manter seus lançamentos relevantes literalmente décadas depois do lançamento original, como se provou com Skyrim, acima de todos.

skyrim gameplay

Mesmo após 10 anos o Skyrim continua relevante no mundo dos jogos – Foto: Reprodução

Atualizações e versões online mantém a relevância

Skyrim foi um divisor de águas não apenas para a Bethesda, mas para todo o segmento dos videogames. Apresentando um mundo aberto de proporções quase inimagináveis e uma história tão grande e complexa que não era nada difícil se perder em missões paralelas e quase esquecer da quest principal, era um RPG de ação como poucos (ou nenhum) visto antes.

Justamente por conta disso, poucos jogos na história receberam tanta atenção no sentido de relançamento e atualização quando Skyrim. O quinto jogo da saga Elder Scrolls virou meme, sem tirar nem pôr, de tantas vezes e para tantas plataformas que foi adaptado. Não é para menos: entre 2011 e 2017 o game foi lançado, ao longo dos anos, para as plataformas PC, PS3, PS4, Xbox 360, Xbox One e Nintendo Switch – e em diversas versões, sem contar as expansões.

O meme caiu nas graças do público, que brincava que o jogo estaria disponível para micro-ondas e calculadoras depois de certo tempo. A piada chegou ao cúmulo quando a própria Bethesda embarcou na brincadeira, anunciando na E3 2018 que o game estaria disponível para Amazon Alexa. Para surpresa de todos, o lançamento chamado de Skyrim: Very Special Edition estava, de fato, disponível na assistente virtual.

Memes e piadas à parte, porém, é interessante ver como um único game conseguiu sustentar uma década de série sem novos lançamentos. Os jogos da série Elder Scrolls sempre receberam atualizações e expansões, mas nenhum ao mesmo nível que o quinto volume. Ainda assim, é essa política e os spin-offs (Online, Legends e Blades) que estão segurando as pontas.

Para quando esperar o Elder Scrolls VI?

Eis a pergunta que vale ouro. Há anos que todos especulam sobre o nascimento do sexto game da série, que começou no já longínquo 1994 e não tem hora para ser encerrada. Resposta definitivas, porém, ninguém conseguiu obter até agora.

Primeiro, é preciso lembrar que a Bethesda foi comprada pelo Microsoft. Embora isso não queria dizer que as coisas vão parar ou ser modificados até a raiz, é essencial entender que uma mudança estrutural desse porte vai, no mínimo, modificar eventuais planos de lançamento. É verdade que a Bethesda anunciou oficialmente o Elder Scrolls VI em 2018, mas anos já se passaram sem nada de concreto aparecer.

Antes de sonhar com o ES:VI, o melhor é esperar a Bethesda fazer o que está prometendo há algum tempo: colocar no mercado Starfield, um RPG de ficção científica que tem tudo para ser o carro-chefe da empresa por algum tempo. Isso deve atrasar o sucessor de Skyrim em mais alguns anos pelo menos, para tristeza dos fãs.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Clique para comentar
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
0
Would love your thoughts, please comment.x