Conecte-se conosco

Artigos

Tracer, a primeira personagem de Overwatch a sair do armário

Publicado

em

tracer zayra beijo lesbico

Depois de ter prometido que seria revelado em breve quais personagens de Overwatch seriam homossexuais, a Blizzard surpreendeu parte da comunidade ao fazer a Tracer “sair do armário”. A heroína com habilidades temporais é vista beijando sua namorada na história em quadrinhos natalina publicada hoje no site oficial.

Batizada de “Reflexos”, o conto narra as peripécias de Tracer para conseguir comprar um cachecol de presente para sua namorada, mas também há espaço na trama para mostrar como os outros personagens do jogo celebram a data. Escrita por Michael Chu, a história confirma a informação que o próprio roteirista já havia soltado no meio de Novembro: há espaço para personagens LGBT no universo diverso de Overwatch.

Durante uma sessão de perguntas e respostas na última BlizzCon, os fãs indagaram sobre essa possibilidade e o escritor foi claro:” é importante para nós que haja diversidade e inclusão de todos os tipos e isso inclui personagens LGBT. Definitivamente existem heróis LGBT – múltiplos heróis”. Chu também revelou que a Blizzard está construindo esse universo aos poucos e relacionamentos de todos os tipos, românticos ou não, são importantes, mas que ainda não houve tempo para destacar todos.

Na ocasião, o principal escritor do universo de Overwatch havia revelado: “eu posso dizer que nós temos uma história chegando em breve que irá cuidar disso. E, apenas para reiterar, isso é algo que é absolutamente importante para nós”.

Promessa é dívida e agora os fãs já sabem que Tracer tem um relacionamento homossexual.  A resposta da comunidade tem sido, como é sempre nesses casos, controvertida. Enquanto no Reddit a os frequentadores debatem sobre outros detalhes escondidos na historieta, nos fóruns da Blizzard já apareceram as primeiras reclamações:

repercussao

Particularmente, palmas para a Blizzard por tocar com tanta delicadeza em um tema contemporâneo, mesmo sabendo que a repercussão de parte dos jogadores e talvez até mesmo da mídia conservadora possa causar dores de cabeça para a empresa. É preciso entender o impacto que isso tem: Tracer é a imagem de Overwatch, aparecendo na publicidade, na capa e por toda parte. Declarar canonicamente que ela é gay e está tudo bem é um ato de coragem.

Resta saber agora o que Chu quis dizer com “múltiplos heróis” LGBT, então pode-se esperar mais revelações no futuro.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Clique para comentar
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x