Conecte-se conosco

Notícias

Devs de XIII sabem que os fãs odiaram o remake e pedem perdão

Publicado

em

XIII

O esperado remake de XIII finalmente chegou e, surpreendendo a todos, gerou uma onda de ódio contra a adaptação para a atual geração de videogames. Entre as maiores reclamações, estão a de que ele não tenta esconder que foi criado de forma apressada e retira tudo aquilo que os fãs mais amavam no original, como os gráficos em forma de quadrinhos.

Em uma declaração dupla entre a produtora Microids e a desenvolvedora PlayMagic, eles afirmam saber sobre a raiva que geraram. “Aguardado por tantos fãs, lançamos o game na semana passada. Infelizmente a expectativa dos jogadores não foram cumpridas com a versão de lançamento e estamos ouvindo alto e em bom som o legítimo criticismo e desapontamento”.

As empresas colocaram a culpa na pandemia de COVID-19 no resultado final. “Gostaríamos de oferecer nossas mais sinceras desculpas pelos problemas técnicos do título. No seu estado atual, XIII não corresponde ao nosso pilar de qualidade e compreendemos a frustração de todos. A pandemia impactou a produção do jogo de várias formas. Mover os desenvolvedores para casa adicionou vários atrasos na agenda de desenvolvimento”.

A Microids afirmou que a PlayMagic está trabalhando de forma incisiva para corrigir todos os problemas apresentados até aqui. A primeira atualização, que está sendo prometida para breve, corrigirá os comandos, taxa de quadros, colisões, renderização e o som. Para compensar quem adquiriu, eles também estão criando conteúdo gratuito que será lançado posteriormente como novos mapas, armas, skins e modos para o multiplayer local.

Veja bem, eu não joguei o remake de XIII para poder falar com propriedade sobre todos os problemas que ele apresenta, mas colocar a culpa no COVID-19 não foi a melhor opção para pedir perdão a quem comprou e viu tudo isso. É mais justo fazer como a CD Projekt Red, que está com milhões de pré-vendas de Cyberpunk 2077 e adiando ele para trazer algo ainda melhor do que lançar de forma corrida. Ao menos, nesse caso, a piada é a situação e não o próprio game.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Clique para comentar
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
0
Would love your thoughts, please comment.x