Conecte-se conosco

Notícias

Stubbs the Zombie retorna da tumba e traz trailer fresquinho

Publicado

em

Quem é morto sempre aparece e agora é a vez de Stubbs the Zombie in Rebel Without a Pulse. Dezesseis anos depois de seu lançamento inicial, o jogo está novamente disponível, desta vez para  PlayStation 4 e 5, Xbox One e Series X|S, Switch e PC.

O ano é 1959 e a cidadezinha de Punchbowl, nos Estados Unidos, é um exemplo de comunidade moderna e unida. Tudo normal, até que um antigo habitante desperta dos mortos para retomar o que é seu. Na pele do zumbi que dá nome a essa aventura, caberá ao jogador utilizar todos os seus poderes para criar uma legião de mortos-vivos e espalhar o caos, em modo solo ou cooperativo com um amigo.

Em Stubbs the Zombie, é possível converter seus inimigos com uma boa mordida. As pessoas infectadas se juntam ao zumbi, mas esse não é o seu único truque na manga. A criatura também é capaz de arremessar granadas de entranhas, mandar cuspes repulsivos e emitir flatulências devastadoras. Com esse arsenal nojento e um exército ao seu lado, o morto-vivo irá desafiar cientistas, militares, milícias armadas e aterrorizar Punchbowl.

O que temos aqui é uma espécie de resgate histórico. O título da extinta desenvolvedora Wideload foi lançado originalmente para PC e o Xbox original. Entretanto, Stubbs the Zombie sumiu do Steam em 2008 e parou de ser vendido na loja da Microsoft em 2012. O jogo chegou a ser acusado de “promover o canibalismo” na época, mas a polêmica não foi pra frente.

Apesar desse retorno, o jogo continua com a mesma jogabilidade, os mesmos gráficos e a mesma interface. Não se trata de um remaster e muito menos de um remake, mas um relançamento. A produtora Aspyr pelo menos modernizou um pouco Stubbs the Zombie, adicionando suporte a resoluções dos dias de hoje, controles adaptados para os padrões atuais e conquistas.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Clique para comentar
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
0
Would love your thoughts, please comment.x