Conecte-se conosco

Reviews

Review – Dead by Daylight: Silent Hill

Publicado

em

dead by daylight silent hill bg

Quando joguei Dead by Daylight a primeira vez, achei o jogo muito interessante, mas não a ponto de continuar jogando. Assim sendo, acabei deixando o título de lado, mesmo achando as referências a grandes clássicos do horror um grande atrativo. Com a vinda de monstros famosos do cinema como Michael Myers, The Pig e Ghostface, admito que a vontade de mergulhar novamente no game ficou maior, mas resisti. No entanto, com a vinda do capítulo de Silent Hill, resolvi encarar novamente só de pirraça, uma vez que achei o trailer algo afrontoso para os fãs da série.

Admito que estou contente de ter quebrado a cara com o novo capítulo do jogo multiplayer. Piramid Head e Heather podem não ter nada a ver um com o outro no quesito de lore. Mas por deus, como é divertido jogar com o cabeça de hipotenusa e com a Heather – mesmo com a aparência de viciada – neste game. Seguindo a mecânica de games como Evolve e Predator, aqui o jogador deve ligar cinco geradores e fugir do seu perseguidor ao invés de combatê-lo. Mas como Heather e Piramid Head se comportaram nestes cenários?

Please Love Me

Ano passado mergulhei de cabeça junto com outros leitores no universo de Silent Hill na série Freakview. Agora no episódio de Silent Hill de Dead by Daylight, temos os personagens mais emblemáticos de Silent Hill 2 e Silent Hill 3, além do mapa da escola primária de Midwich, local onde Alessa sofreu tanto antes de ter seu corpo queimado para que o ritual da vinda de Deus fosse completado. Uma representação incrível foi criada para o mundo do game, incluindo o selo de Metatron ao centro do pátio.

Imagem do artigo sobre a Dead by Daylight: Silent Hill
Sempre acabo me enroscando neste puzzle.

A parte referente ao material original está show de bola, no ponto. O mapa possui vários easter eggs espalhados por ele, o que permite aos fãs da franquia desfrutar ainda mais do DLC. O piano do primeiro jogo está lá, com as teclas manchadas, e a área da recepção e enfermaria estão idênticas, contando até mesmo com o livro de charadas na recepção. Para aqueles que ainda desejam mais, a sala de armários também possui aquele antigo e sorrateiro jumpscare.

De acordo com a história do novo capítulo de Dead by Daylight, Heather após os eventos de Silent Hill 3 se uniu a um programa de aconselhamento para jovens. Após três meses de treinamento, ela estava preparada para socorrer as jovens almas e mentes. No entanto, após atender sua primeira ligação, ouviu apenas estática, e logo o chão cedeu enquanto uma fumaça negra tomava o quarto. Tonta com o impacto, a única coisa de que se lembrava após cair novamente na escola era a voz daquela mulher, responsável pela morte de seu pai e pela culpa que alimentava a sombra dentro de Heather e que trouxe a Entidade até ela.

Pyramid Head é a representação espiritual de James, por ter executado sua esposa Maria enquanto a mesma estava adoecida. Mas aqui ele toma a forma do Executor dos quadros na Associação Histórica de Silent Hill. Após sentir a névoa negra da Entidade em Silent Hill, ele selou um pacto silencioso com a mesma. Abandonando os corredores e criaturas da pacata cidade penada e trazendo sua violência física, psicológica e sexual para os campos da Entidade.

Imagem do artigo sobre a Dead by Daylight: Silent Hill
Corre gambazada!

Eles parecem monstros para você?

Até o presente momento, Pyramid Head e Heather possuem poucas skins e todas são conjuntos. Pyramid Head possui um conjunto raro da temporada atual e Heather, além de duas skins básicas, possui as primeiras skins legado. Essas skins mudam completamente o modelo do personagem, ou seja, com essas skins em Heather o jogador também pode jogar com Lisa Garland, enfermeira de Alessa Gillespie e a própria Alessa.

No entanto, as skins “Ensopado de Sangue” de cada um já está presente. Com a última atualização, o jogo recebeu as fantasias dos Mascotes Perdidos. Essas skins dos mascotes do parque de diversão da série chegaram para Legião, o famoso grupo de assassinos que se disfarça usando máscaras e matando rapidamente os sobreviventes do mundo da neblina. Todos os membros receberam skins, sendo eles Frank, Julie, Susie e Joey.

Imagem do artigo sobre a Dead by Daylight: Silent Hill
A mimir.

Um caminho de tortura

As habilidades de Pyramid Head são bem o que era de se esperar de uma criatura como essa. Pessoalmente falando, acredito que se Pyramid Head não estivesse guiando James, mas realmente o caçando com uma mecânica igual à daqui, ele seria o monstro mais assustador dos games. Rápido, letal e extremamente eficaz em infligir dor, as habilidades de Pyramid Head em Dead by Daylight são:

  • Penitência Forçada: Sobreviventes que recebem um hit enquanto Pyramid Head carrega uma vítima recebem o Status de Quebrado e não podem se curar de ferimentos graves.
  • Trilha do Tormento: Após acertar um gerador, Pyramid Head irá se tornar indetectável por 16 segundos e todos verão as auras dos geradores em amarelo.
  • Letalidade: Sobreviventes que aumentarem seu status de saúde enquanto estão sendo curados emitem um grito, alertando o assassino sobre sua posição e sofrendo do status óbvio. Com isso, a área de terror do assassino se torna ainda mais palpável, deixando o personagem sobrevivente mais fácil de ser localizado.
Imagem do artigo sobre a Dead by Daylight: Silent Hill
Playtime’s on.

A arma de Pyramid Head é seu icônico facão, uma lâmina rústica e bárbara, coberta de sangue cego e falhas no fio, pronta para cortar e também esmagar e rasgar a carne de suas vítimas em segmentos cegos. Usando o botão de habilidade, podemos usar Ritos de Julgamento, que como no teaser, faz com que Pyramid Head crave sua lâmina no chão e a arraste, criando um caminho de tormento para aqueles que ousarem a cruzar.

Aqueles afetados por Ritos do Julgamento recebem um status de Tormento e ativam o Instinto Assassino do monstro. Sobreviventes derrubados enquanto sofrendo do Tormento podem ser enviados a uma Jaula de Expiação, semelhante a um gancho, mas que surge de maneira aleatória dentro do mapa. Ainda no Rito do Julgamento, é possível usar um ataque especial. Punição dos Condenados, por fim, lança uma poderosa explosão de vigas que seguem em linha reta e ferem aqueles pegos por ela.

Imagem do artigo sobre a Dead by Daylight: Silent Hill
Uma oferenda mais do que digna para a Entidade.

É pão

Cheryl ou Heather Mason é também a minha sobrevivente favorita, ainda mais com a skin de Lisa Garland. Heather teve de passar pelo inferno da cidade de Silent Hill, e agora está de volta para mais uma vez fugir das névoas de uma nova Entidade. Como Pyramid Head, Heather possui três perks próprios, sendo eles:

  • Guarda Espiritual: Caso esteja sofrendo de baixa saúde, Heather pode usar esta habilidade para receber resistência contra o próximo ataque. Ou seja, ao invés de entrar no estado Quase Morto, ela estará com uma Ferida Grave. Caso não se cure nos próximos vinte segundos, ela entrará no estado Quase Morto.
  • Pacto de Sangue: Quando Heather ou o sobrevivente Obsessão estiverem feridas, uma poderá ver a aura da outra e ir em seu auxílio. Caso Heather cure ou seja curada pela Obsessão, ambas ganham um bônus de 7% em velocidade de movimentação.
  • Aliança Reprimida: Após consertar um gerador, Heather pode usar o botão de habilidades para invocar a Entidade, que irá proteger aquele gerador por 30 segundos e irá marcá-lo para os sobreviventes com uma aura branca.

Além das habilidades que conversam com ambas as obras, ainda há vantagens, complementos e oferendas que fazem alusões a itens da série Silent Hill, como a fita de vídeo esquecida, ovo carmesim, fotografia do secto de Valtiel e até mesmo o livro de Memórias Perdidas.

Imagem do artigo sobre a Dead by Daylight: Silent Hill
Imagina um porteiro destes?

Fugir ou punir?

Dead by Daylight: Silent Hill é um daqueles momentos em que eu amo dar com a língua nos dentes. Quando vi o anúncio, achei bem ridículo e que era mais um cashgrab da Konami, mas a DLC é muito bem feita para os fãs. A trilha tema do episódio é uma versão remixada e aprimorada de Please Love Me de Silent Hill 3. No geral, tirando a inconsistência de Pyramid Head caçar Heather, admito que a DLC é extremamente divertida, tanto para aqueles novos em ambas a séries e veteranos.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Prós

  • Divertido na medida certa
  • Tema em contato com a obra original
  • Representa bem a ideia visual da série

Contras

  • Não bate com a lore
  • Heather pior do que no PlayStation 2
Clique para comentar
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
0
Would love your thoughts, please comment.x