Conecte-se conosco

Reviews

Review – Disc Room

Publicado

em

Disc Room bg

Disc Room é um daqueles jogos que, de cara, chama a nossa atenção. Talvez seja o seu visual caricato ou as suas ideias impensáveis, quem sabe. Você já imaginou controlar um pequeno cientista tentando sobreviver em um matadouro repleto de discos com lâminas altamente cortantes? Pois é, essa é mais uma daquelas experiências viciantes e inesperadas com o selo da Devolver Digital, então pode ter certeza de que essa jogatina vai ser divertida e maluca.

Desenvolvido em colaboração por Jan Willem Nijman e Kitty Calis, de Minit, e por Terri Vellmann e Doseone, de High Hell, esse é um jogo de ação e aventura extremamente frenético onde sua missão será explorar este grande disco que paira sobre o planeta Júpiter para descobrir os seus segredos. Mas prepare-se, pois a morte será inevitável, mas curiosamente, também é o único meio de se fortalecer para progredir neste lugar.

Explorando um ambiente mortal

Estamos em 2089 e uma curiosa nave espacial surgiu orbitando o planeta Júpiter. Mais que depressa uma equipe de cientistas procuraram maneiras de desvendar os mistérios desta aparição, desenvolvendo um traje especial para explorar a embarcação. Mas só você teve a coragem de realmente pisar neste local e agora deverá observar cada canto e descobrir quais as intenções desta nave.

Imagem do jogo Disc Room
E como é que sobrevive a este enxame?

Os propósitos podem ser um mistério até o final da narrativa mas, sem dúvidas você não é bem-vindo, pois um exame de discos cortantes vão te retalhar em pedacinhos em poucos instantes e isso vai ser repetir várias e várias vezes. Por essa razão, não esquente a cabeça com a morte em Disc Room, ela fará parte desta experiência intergaláctica.

Neste jogo você vai percorrer de sala em sala sobrevivendo aos diversos tipos de discos, são tantos modelos que não dá nem para acreditar como foi possível criar tantas características únicas para um objeto relativamente simples. Mas além de sobreviver, você também terá que saber a hora de morrer. Sim! É isso mesmo que você leu. Morrer será um dos seus objetivos.

Imagem do jogo Disc Room
Esse guardião ceifou diversas vidas do meu pobre cientista.

Disc Room está lotado de desafios onde alguns vão liberar portas da sala qual você está, e outros vão se acumulando para desbloquear novas áreas. Eles podem até revelar passagens para lugares que guardam inimigos ainda mais curiosos e claro, em formato de disco nos mais variados modelos e tamanhos.

Alguns dos seus objetivos inclui sua morte nas lâminas de cada tipo de disco apresentado nas salas. Veja: as fases pode conter quatro, cinco ou até mais modelos de discos e você terá que correr de encontro para a morte em cada um deles se quiser completar a missão. Mas ainda há mais desafios nestas mesmas áreas como: sobreviver por um tempo determinado ou manter-se em uma pequena marcação no piso para ativar o tempo enquanto se mantém ileso dos discos malucos. Mas acredite, isso não é tudo.

Imagem do jogo Disc Room
Ainda vou superar os Devs, podem anotar!

Um dos objetivos mais básicos de Disc Room, é bater o ranking de tempo contra seus amigos e mostrar que você é o cientista mais ágil desta nave. Mas não tenha dúvidas de que essa é uma tarefa para o mais habilidosos, porque há tantos inimigos na tela que você poderá morrer em um piscar de olhos. Então não pisque se quiser bater esse placar!

Morrendo para se fortalecer

Como já mencionado, morrer não significa o fim do jogo, na verdade, só assim você poderá adquirir novas habilidades. É curioso mas, funciona. Ser derrotado por determinados discos vai desbloquear poderes como um impulso que ajuda nas esquivas ou uma paralisação no tempo que deixa todo o ambiente lento, ajudando a escapar de situações difíceis.

Imagem do jogo Disc Room
Quanto mais clones, mais sangue jorrará pelo cenário.

Você também pode criar vários clones do personagem que, na minha opinião, são difíceis de controlar e tornam a jogatina ainda mais complicada, mas sua intenção é boa, pois dá para sobreviver um pouco mais até que o último clone seja dilacerado pelo disco. Que a verdade seja dita: em quase todos os momentos, seus clones morrem ao mesmo tempo pela tamanha dificuldade de controlá-los. Além destes há outras habilidades e todas elas vão te tornando cada vez mais forte.

Se você pensa que a criatividade acabou, se enganou. Saiba que além dos discos capangas, por assim dizer, há discos chefões que liberam disquinhos menores contra você, além de muito criativos, eles geram batalhas épicas e realmente difíceis. O primeiro embate será para progredir na narrativa, mas você poderá retornar a esta sala para concluir os demais objetivos como aquele ranking já mencionado.

Imagem do jogo Disc Room
Parece pouco mas, some com a quantidade de objetivos.

Depois de morto você pode navegar pelo mapa e escolher onde quer ressurgir, claramente isso só está disponível naquelas salas quais você já desbloqueou. O legal é que você poderá verificar os desafios já concluídos e repassar pelas fases para conferir se, com as novas habilidades, será capaz de abrir um novo caminho. Tudo isso reforça o replay da jogatina, o que é muito bom.

Personalizando o Disc Room

Você mal vai perceber o tempo passando enquanto tentar sobreviver ou morrer neste ambiente extraterrestre. Logo os desafios se tornam cada vez mais complexos mas, não tão difíceis de interpretar, graças aos textos que estão em português. Será mais uma questão de habilidade mesmo, até para conseguir morrer em menos de um segundo.

Imagem do jogo Disc Room
Como se já não fosse difícil o suficiente.

Você pode até progredir de forma rápida entre as salas mas, Disc Room oferece uma lista de objetivos insanos que podem ser realizados quando você faz diferentes feitos ou até utilizando as modificações do jogo que incluem, por exemplo, alteração na velocidade de movimentação que deixa tudo em até 200% mais veloz e pasmem: isso é aplicado para o personagem, inimigos e música! Quero ver você dar conta. Imagine só as gameplays incríveis que vão surgir no YouTube com essas modificações. Com certeza é maluquice, mas sem dúvidas muito interessante.

Não posso deixar de mencionar o visual caricato de Disc Room, os desenhos parecem simples mas, ele têm um traço característico e são muito bonitos, todos os ambientes são bem desenhados e proporcionam um visual incrível para o jogo. Além disso a trilha sonora é tão empolgante que te mantém agitado durante toda a experiência. E se você não viu, vale a pena conferir o trailer de lançamento com as belas animações produzidas pelo estúdio CRCR.

Imagem do jogo Disc Room
O tempo só corre quando você está dentro deste círculo.

Durante a jogatina não ocorreu um bug ou travamento sequer. Pelo contrário, o jogo está muito fluido, com um desempenho redondinho. No entanto, senti falta de um modo multiplayer, onde os jogadores pudessem competir de forma local e verificar quem sobrevive por mais tempo nesta nave ou outros objetivos neste formato. Seria legal se houvesse uma progressão cooperativa pelo menos.

Disc Room é, sem dúvidas, uma excelente pedida para aqueles que curtem os jogos frenéticos e desafiadores. O jogo tem uma boa história, mas principalmente oferece uma gameplay bastante instigante e cheia de bons desafios, daqueles que certamente vão te obrigar a se ajeitar na poltrona para jogar sério até conseguir desvendar os mistérios desta nave espacial.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Prós

  • Jogatina frenética do início ao fim
  • Está cheio de desafios insanos
  • Repleto de modelos inimagináveis de discos
  • A trilha sonora é empolgante
  • Garante o replay

Contras

  • Faltou opções para multiplayer local
Clique para comentar
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x