Conecte-se conosco

Reviews

Review – Encased

Publicado

em

encased

Nada como um evento em escala global para tirar o foco de um conflito. Se você já leu ou assistiu Watchmen, deve se lembrar do grande plano de Ozymandias para salvar a humanidade da ameaça nuclear. Em Encased, tal evento também acontece, mas de uma maneira bem menos traumática do que na HQ de Alan Moore. Inspirado por Under the Dome, caberá a você investigar os mistérios de uma estrutura gigantesca misteriosa.

A série americana se une com o estilo CRPG inspirado por jogos como Wasteland, proporcionando uma ambientação que é familiar e, ao mesmo tempo, única. Contudo, em um gênero marcado por jogos icônicos, será que Encased consegue se destacar em meio a multidão? 

Like clockwork

Geralmente os CRPGs partem de uma premissa de um mundo já bem estabelecido. Em Encased, isso também ocorre, mas de uma maneira diferente. Em um mundo assustado pela iminência de um conflito nuclear durante o auge da guerra fria, um achado inexplicável põe fim às hostilidades e, surpreendentemente, países com ideologias opostas se unem com um objetivo em comum: estudar o gigantesco domo misterioso.

A fim de obter explicações, a CRONUS Corporation, uma empresa encarregada de estudar o domo, é criada. Para isso, assim como uma empresa comum, diversas alas são estabelecidas. O pessoal que cuida da burocracia, por exemplo, vai para a ala prateada, enquanto os cientistas vão para a ala branca, os responsáveis pela segurança para a ala preta, e assim por diante.

Dadas as diferenças nas alas, cada pessoa pertencente a uma delas contará com especialidades diferentes durante a jogatina. Gosta de combate? Então a ala preta é para você. Talvez você prefira convencer as pessoas com a conversa? A ala prateada garante que seu personagem seja mestre na lábia. É um sistema que, além de fiel aos RPGs, faz total sentido com a ambientação desejada.

Fusão Wasteland e S.T.A.L.K.E.R 

É bem nítido que Encased foi influenciado por Wasteland – mais precisamente o segundo título da franquia. Logo nos primeiros passos dentro da CRONUS, dá para perceber que as conversas entre os NPCs seguem o mesmo estilo da franquia da inXile, deixando os fãs de longa data nostálgicos.

20210904195123 1
Mudanças relativas ao estado do seu personagem estão contidas.

As terras inóspitas do domo, contudo, não se inspiram somente em Wasteland. Há um elemento mais místico que paira dentro da estrutura: as anomalias. Se você já jogou S.T.A.L.K.E.R deve se lembrar de ter que lançar parafusos para desabilitar temporariamente as anomalias de Pripyat. Encased possui literalmente a mesma mecânica, aumentando o ar de mistério que é esperado de um jogo inspirado no romance de um dos maiores escritores de terror.

Mas é claro que se tratando de CRPGs onde a radiação possui um papel importante, Fallout não pode deixar de ser citado. A inspiração clara dos primeiros 2 jogos da franquia é clara, já que os jogos citados anteriormente também bebem muito dessa fonte. Gostando de qualquer um dessas três franquias, dificilmente os que comprarem o título ficarão decepcionados

Decisões de interface

Se há algo que os jogos menores pecam é na interface. Infelizmente, Encased não é um bom exemplo nesse quesito. Como citado em meu preview, o sistema para descobrir o que fazer durante as quests é confuso. Se eu não tivesse jogado anteriormente, provavelmente ficaria preso por horas até chegar no ponto que parei.

20210904134121 1
Alguns termos possuem explicação já na tela do diálogo.

Em meu preview eu também chamei atenção para a mecânica de combate, fator esse que continua bem fraco no jogo. Não é muito difícil errar quando se usa a mesma fórmula de jogos já consagrados, mas Encased parece retroceder nesse aspecto. O fator tático deixa bastante a desejar.

Por mais que siga uma fórmula de sucesso, Encased falha justamente em sair da zona de conforto. Há pouca originalidade, restando muitas das vezes junções de ideias já exploradas. Entretanto, esse é um jogo competente no que se propõe, mas não oferece nada de inovador.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Prós

  • História interessante
  • Elementos de diversos jogos
  • Diversas opções de diálogo

Contras

  • Pouca inovação
  • Interface estranha
Clique para comentar
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
0
Would love your thoughts, please comment.x