Conecte-se conosco

Reviews

Review – Mortal Kombat 11 Ultimate

Publicado

em

Mortal Kombat 11

É inevitável fazer uma retrospectiva de Mortal Kombat 11 e sua desenvolvedora que resgatam o ano de 2011. Após o sucesso do nono jogo, ainda na geração PS3 e Xbox 360 e a chegada do primeiro Injustice, a NetherRealm Studios esteve trabalhando em um ciclo previsível e certeiro. A cada dois anos, um game dessas franquias era lançado, um season pass entrava no meio e depois era realizado um novo anúncio.

Porém, Ed Boon chutou o balde legal em MK11. Estava correndo tudo conforme o planejamento, o lançamento-padrão em 2019, Kombat Pack revelado e era só uma questão de tempo para surgir um Injustice 3. Aí vieram com o Aftermath, uma continuação direta da história com direito a participação do lendário Shang Tsung. Nem respiramos direito e veio outro impacto, a versão Ultimate que já está entre nós, trazendo a experiência definitiva da guerra entre a Terra e Outworld.

Versão definitiva

Assim que fiz o download da expansão e abri a tela de versus para testar o conteúdo inédito de Mortal Kombat 11 Ultimate, confesso que me transportei diretamente para o ano 2000. Eu e meu Super Nintendo, colocando pela primeira vez o Ultimate Mortal Kombat 3. Eram 22 personagens para selecionar e para quem veio dessa época sabe o quanto essa variedade era impressionante. Já em MK11, nós temos o total de 37 lutadores, dos mais variados estilos e características e me senti tão empolgado quanto aos meus 10 anos de idade.

Além do elenco que já era rico do jogo base e do primeiro Kombat Pack, essa edição também conta com Robocop, Fujin e Sheeva que foram adicionados no Aftermath e conta com mais três novos personagens: Rambo, Mileena e Rain. Mesmo com os fãs sentindo a falta imensa de alguns rostos conhecidos como Reptile, Shinnok e outros famosos da franquia, não dá para negar o quanto a equipe de desenvolvimento se esforçou para trazer o maior número sem perder o balanceamento.

Imagem do review de Mortal Kombat 11 Ultimate
Os três novos lutadores já chegaram arrasando tudo.

Não vamos perder tempo e falar logo das novidades da versão Ultimate de Mortal Kombat 11, quais eu sei que são as razões de estar lendo aqui. Rambo, saído diretamente dos filmes dos anos 80, é exatamente o mesmo cara durão e mortal que conhecemos no cinema. Baseado nos três primeiros longa-metragens da franquia, ele se porta exatamente como Sylvester Stallone concebeu.

E deixo aqui também meu elogio à Warner Bros. Games, que trouxe o mesmo dublador para atuar no personagem, o Luiz Feier Motta. A adaptação não tinha como ter saído melhor, incluindo diversas referências à carreira do ator principal, incluindo Os Mercenários, Risco Total e O Demolidor. Imagino o quanto a homenagem possa ter tirado gargalhadas, tanto de Stallone quanto de Motta durante as gravações.

Imagem do review de Mortal Kombat 11 Ultimate
Rambo foi muito bem representado, diga-se de passagem.

Na batalha, Rambo é um personagem extremamente equilibrado e isso pode trazer um grande risco para os seus adversários. Com o seu arco e flecha, ninguém estará seguro, mesmo à distância. Próximo, ele usa o seu lendário facão no conflito corpo-a-corpo. Com movimentos rápidos, ele também é um exímio lutador sem utilizar nenhum destes recursos e cuidado com seus chutes, que podem se mostrar verdadeiras armas como as demais.

Se nada disso te convenceu a tentar jogar com o lutador, talvez eu deva contar das armadilhas, não é? Seja com arames, troncos e até minas terrestres, Rambo traz ao Mortal Kombat 11 Ultimate ainda mais riscos do que os jogadores estão acostumados. Se você já tinha que se preocupar com alguns recursos do cenário e com o próprio oponente, parabéns, ganhou mais um elemento para ter de se adaptar.

Imagem do review de Mortal Kombat 11 Ultimate
As armadilhas podem ser decisivas entre a vitória e a derrota.

Porém, o maior perigo em Mortal Kombat 11 surge na frente de quem enfrenta Mileena. Os fãs choraram tanto pela ausência dela anteriormente que finalmente a vilã foi inserida no hall de lutadores. E a chegada triunfal dela se garante em movimentos velozes e contando com toda a sua fúria. Ou quem enfrenta ela tem reflexos rápidos ou vai levar combo atrás de combo sem nem entender o que está acontecendo.

Conhecida após anos de rivalidade com sua própria irmã, Kitana, os melhores diálogos e cenas envolvem ela e seu ambiente familiar. Seja com a ninja azul, com o pai Shao Kahn ou com a rainha Syndel, você pode ver todo o ódio e rancor em suas falas apenas por ser uma clone da principal. Se você é um millenial e não sabe do passado dela, considere um paralelo da história de Gamora e Nebula, de Guardiões da Galáxia. A diferença que nos filmes da Marvel deu certo…já aqui, não preciso nem comentar.

Imagem do review de Mortal Kombat 11 Ultimate
A relação das irmãs não tem muito carinho e amor.

Rain, para ser sincero, é um apelo visual para mostrar o poder gráfico na nova geração. Eu adorei jogar com o personagem, lutar com ele foi muito sinistro, mas é claro em seus fatalities ou na cena de finalização que os efeitos que produz com a água são para o puro impacto cinematográfico da coisa toda. Isso não é uma reclamação, é apenas uma constatação de quem se espantou de ver algo tão espetacular em sua frente.

Mas não vá achando que ele é o “menos mal” dos três não, pois seus golpes com água são extremamente letais. Desde uma pequena onda que te dá rasteira até o fato de Rain ficar completamente intangível se transformando no estado líquido, ele é uma força a ser reconhecida dentro de Mortal Kombat 11 Ultimate. A agilidade dele, comparado ao Rambo e Mileena, é menor, mas quem souber dominar isso conseguirá resultados impressionantes.

Imagem do review de Mortal Kombat 11 Ultimate
Imagina ver isso em 4K no PlayStation 5, meus amigos…

MK11 em sua melhor forma

E enquanto descobre todos os segredos deles, você também pode ver como estes novos lutadores se portam com o final das klássicas torres. Para evitar spoilers, não vou dar todos os detalhes aqui, mas entre os três novatos, aquele que mais adiciona elementos ao enredo é o de Mileena. Ela mostra como seria a vida sem Kitana e o que conquistaria sob a tutela de Shao Kahn. Apesar de já ter visto fãs chorando por outro fator, isso só adiciona camadas a lutadores que antes não tinham espaço para terem sua profundidade trabalhada.

Enquanto isso, Rain persegue o seu misterioso passado, que também é mostrado de forma inédita na franquia. O próprio personagem não conhece suas origens e aqui temos a oportunidade de ver junto a ele o que aconteceu e o que ele faz perante esse fator. Já Rambo, ao utilizar o capacete de Kronika decide tomar o caminho contrário dos seus inimigos e mostra as consequências do que viu.

Imagem do review de Mortal Kombat 11 Ultimate
Entre os novos finais, o de Mileena adiciona mais elementos.

A versão Ultimate também trouxe, de forma definitiva, o krossplay para a franquia. Agora você pode jogar com qualquer pessoa que utiliza o PlayStation 4, PlayStation 5, Xbox One e Xbox Series sem temor algum. Testei o recurso e, após várias partidas sem travamentos nem queda de frames, posso afirmar que a NetherRealm Studios fez um excelente trabalho na produção do recurso. Infelizmente, as versões de Switch e PC não entram na brincadeira.

Além disso, vale notar que mesmo se não tiver Mortal Kombat 11 Ultimate, mas sim apenas o jogo base ou a edição Aftermath, você pode realizar o upgrade gratuito para a mais recente geração de videogames. Adicionando a resolução dinâmica 4K, visuais aprimorados e telas de carregamento com um tempo de duração consideravelmente reduzidos, só falta mesmo voar sangue no seu rosto para completar a experiência.

Imagem do review de Mortal Kombat 11 Ultimate
Não esqueça de chamar seus amigos para jogarem com você.

Se até hoje estava esperando por uma oportunidade para jogar MK11, esse é o momento. Nunca, em toda a história da franquia, teve tanto conteúdo e duas tramas completas no mesmo pacote. Não é um absurdo afirmar que esse é, de longe, o melhor jogo de luta de toda a geração PS4 e Xbox One e que, mesmo com os seus erros iniciais, soube se estabelecer, corrigir e trazer uma base ainda maior de fãs para si.

Mortal Kombat 11 Ultimate faz aquilo que os jogadores tanto queriam, uma chance de pular de cabeça no game e ter o conteúdo mais completo possível em suas mãos. Se você ainda não tem, é um título obrigatório para qualquer um que curta o gênero. Se já, passou da hora de realizar o upgrade e aproveitar os lutadores novos que foram inclusos, assim como ainda mais elementos de personalização. Tudo isso já está disponível para download, nesse exato momento. Então, o que falta para testar o seu poder?

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Prós

  • É a versão definitiva do melhor jogo de luta de uma geração
  • Rambo, Mileena e Rain brilham à sua própria maneira
  • É a maior união de conteúdos da franquia
  • Krossplay e port para a próxima geração só tornam o jogo melhor
  • É tudo que os jogadores queriam de um jogo de luta

Contras

  • Perdi tempo caçando defeitos
Clique para comentar
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x