Conecte-se conosco

Reviews

Review – One Piece: Pirate Warriors 4

Publicado

em

One Piece Pirate Warriors 4 bg

“Minha riqueza e tesouro?? Se vocês o quiserem, eu deixo pegar, procurem por ele, deixei tudo naquele lugar!!” Bem como disse a figura histórica Gol. D. Roger, o rei dos piratas, que marcou o início da corrida pelo One Piece. Dessa forma o mundo se voltou para a pirataria, todos em busca do maior tesouro de todos os tempos, algo tão inimaginável que permeia a crença popular. Mas ainda assim muitos se lançam aos oceanos em busca do tesouro. E é neste mágico e incrível mundo em que One Piece: Pirate Warriors 4 se passa!

Criado por Eiichiro Oda em 1997 e publicado desde então pela revista mais famosa do gênero no japão, Weekly Shonen Jump, One Piece conta as aventuras de Monkey D. Luffy e seus inúmeros companheiros a bordo do navio Going Marry – e futuramente o novo Thousand Sunny. Compilando grande parte das aventuras do pirata em busca do lendário tesouro, One Piece: Pirate Warriors 4 traz muita ação e pancadaria de ponta, com um grande elenco, movimentos especiais, habilidades e mapas cheio de locais para se explorar.

Rumo ao futuro incerto

One Piece Pirate Warriors 4 conta a história do anime a partir dos eventos ocorridos no volume 17 do mangá, mais especificamente o capítulo 155, onde após terem sarado a navegadora Nami e adicionarem a Rena Chopper a tripulação do Chapéu de Palha, chegam à ilha de Alabasta. Terra na qual a jovem Vivi é regente por direito, mas que no momento se vê sob o controle de um dos Shichibukais, piratas reconhecidos e autorizados pelo governo a agir. O nome dele é Crocodile, um dos primeiros e mais marcantes vilões da série.

Imagem do review de One Piece Pirate Warriors 4
Aokji é de longe um dos personagens mais interessantes do mangá.

O jogo desenvolve os momentos mais marcantes da série de Eiichiro, mostrando as aventuras de Luffy pelas inúmeras ilhas. Englobando o espaço entre o capítulo 155 do mangá e se expandindo até ao capítulo 902, claro que seria impossível compilar toda a informação da série neste jogo, então alguns arcos acabam sendo pulados, inclusive o meu favorito que é Skypeia. Mas ainda assim a história se mostra extremamente fiel, contando com embates entre vilões e personagens importantes para série, seja em combate ou cutscenes.

Caso o jogador se veja perdido na história pois resolveu pegar uma carona no jogo para não ter que assistir todos os 877 episódios do anime, não é preciso se preocupar. One Piece: Pirate Warriors 4 possui uma galeria vasta, explicando o mundo em que os personagens vivem, como as coisas funcionam e até mesmo uma explicação rápida do que são as Akumas No Mi, diferenciando os usuários de poderes super humanos (Paramécia), animalescos (Zoan) e os de poderes da Natureza (Logia).

Believe in Wonderland

Geralmente quando vemos um título da Jump sendo adaptado para os consoles, o que costumamos pensar é que será um game de luta. No entanto, a série One Piece Pirate Warriors já vem se expandindo desde o PlayStation 3. Desenvolvido pela Omega Force / Koei Tecmo, a rainha absoluta dos games do gênero Musou e publicado pela Bandai Namco Entertainment, o jogo se mostra mais uma vez uma aposta correta na mistura do estilo de game com a série One Piece, diferentemente de certas misturas entre anime e musou – sim, estou falando de Berserk and The Band of the Hawk.

Imagem do review de One Piece Pirate Warriors 4
Eu irei virar o rei dos piratas, nem que tenha que por esta cidade abaixo.

Para quem não está acostumado com o gênero Musou, estamos falando de jogos como Samurai Warriors, Warriors Orochi e Dinasty Warriors, onde o jogador escolhe um herói e, ao invés de enfrentar apenas um oponente como em um jogo de luta, deve lutar contra um exercito, derrotando generais, capitães e outros heróis ou vilões dependendo do caso. É necessário acumular vitórias, coletar itens que irão ajudá-lo durante a batalha e conquistar territórios em busca de vencer a batalha e completar objetivos.

Para quem já assiste One Piece, sabe que a receita funciona bem, porque geralmente nas temporadas, Luffy e sua turma estão sempre lutando contra poderosos vilões, mas sempre é possível se ver um ou outro personagem clichê, como soldados da marinha sendo lançados a metros de distância. Seja lutando contra vilões como Crocodile, Doflamingo, Marshall D. Teach (Barba Negra), os verdadeiros vilões em One Piece: Pirate Warriors 4 se encontram na ilha Whole Cake.

Imagem do review de One Piece Pirate Warriors 4
Meus anos jogando jogos do gênero finalmente serviram para algo.

Bon Voyage!

Seu nome é Charlotte Linlin, mas é mais conhecida como Big Mom, a portadora do Soru Soru No Mi. Junto dela está seu antigo parceiro de pirataria no grupo Rocks Pirates, o poderoso e imortal Kaido. Um dia ambos velejaram juntos, mas nos dias atuais Kaido deseja matar Big Mom. Estes são os alvos finais de Luffy em sua jornada pela Grande Linha em One Piece Pirate Warriors 4, atravessando arcos como Thriller Bark, Punk Hazard, Dressrosa e Silver Mine.

Com isto o jogador, deve ter em mente que na jornada repleta de inimigos que sequer o farão afronta, haverão aqueles que poderão derrotá-lo rapidamente. Por isso, o jogador deve se acostumar com os sistemas de investidas do jogo. Afinal é a forma mais rápida de se chegar próximo aos oponentes e desviar de seus poderosos ataques, e combinando entre ataques leves e pesados, o jogador pode desferir uma gama de combos em seus oponentes a fim de diminuir a sua barra de defesa. Quanto esta acaba, permite que o jogador cause mais dano ao capitão ou general inimigo.

Imagem do review de One Piece Pirate Warriors 4
Um prédio e um monte de soldados a menos.

Além disso o jogador também conta com até quatro poderosos movimentos especiais que podem servir como ataques, buffs, debuffs e uma habilidade que faz com que as investidas se tornem ainda mais poderosas, assim facilitando as batalhas contra os inúmeros personagens retirados diretamente do mangá. Tenho que dizer que é um roster respeitável, trazendo inimigos de temporadas anteriores, trajes antigos e atuais dos personagens e uma ótima compilação dos fatos mais importantes para a história.

Mergulhando nas águas da fonte

O que mais me apeteceu no jogo foi a capacidade de capturar o estilo único de Eiichiro Oda no jogo, algo que já havia sido conquistado nos jogos anteriores, mas que não era bem captado em Burning Blood por exemplo. Eu sempre achei incrível a maneira como os personagens aparentam em One Piece, e mesmo não sendo nem de longe meu favorito, tiro o chapéu pela criatividade investida nos poderes das Akumas no Mi, no vestuário dos personagens e a maneira como são desenhados.

Imagem do review de One Piece Pirate Warriors 4
Nemesis de Resident Evil 3 Remake disfarçado de Mr. 2 confirmado!

Infelizmente ainda não pude jogar World Seeker, então não posso utilizá-lo como comparação, mas a maneira como o jogo se mostra dentro da W-Force da Koei Tecmo é algo que não deixa nem um pouco a desejar, mostrando toda a beleza maluca dos designs de One Piece. A trilha sonora é um tanto quanto batida para um jogo desse tipo, esperava algo um pouco mais animado, tanto para os menus quanto para as batalhas.

Falando nas batalhas, caso o jogador esteja cansado de jogar o modo história, ele pode entrar no modo Log Gratuito, que permite que ele jogue as batalhas com qualquer personagem já liberado, criando lutas cada vez mais malucas. Afinal, qual fã nunca quis ver Crocodile lutando contra Edward Newgate (Barba Branca)? Além disso, ainda existe o Log de Ouro, que permite ao jogador jogar missões específicas para liberar personagens, moedas e berrys – a moeda primária usada no jogo.

Imagem do review de One Piece Pirate Warriors 4
É possível dar zoom nesta luneta e observar melhor o background do local.

Com as Berrys e as moedas especiais adquiridas após missões e combates, o jogador poderá melhorar a árvore de habilidade dos personagens, deixando-os cada vez mais implacáveis no campo de batalha, adquirindo novas habilidades e movimentos especiais. Além de aprimorar os status dos personagens, o jogador pode aprimorar uma árvore de habilidades geral, que serve como base para todos os personagens, o que é uma boa alternativa para que até mesmo aquele lutador que você não costuma usar, não fique tanto para trás.

Pocketo No Coin!

Ainda existe outra diferenciação entre as personagens, que são os tipos de ação, dividindo os personagens em personagens que atacam à distância, que possuem ataques avassaladores, que conseguem flutuar e por último os que batem rápido, sendo classificados respectivamente como personagens de Técnica, Poder, Céu e Velocidade. Um bom exemplo de cada um deles seria Usopp com seu poderoso estilingue, Zoro com suas poderosas espadas, Smoke com sua habilidade de voar com a Pluma Pluma no Mi e Sabo com seu veloz Haki e habilidades da Flame Flame no Mi.

Imagem do review de One Piece Pirate Warriors 4
Bem que a vida fitness podia ser assim né?

One Piece: Pirate Warriors 4 é sem dúvida alguma uma evolução e continuação bem-vinda da série de jogos. Com o último título tendo sido lançado exatamente cinco anos atrás, a quarta entrada da série se mostra mais dinâmica e convidativa para novos jogadores. Claro que o gênero Musou sofre de um mal próprio, que é o enjoo da mecânica de estar sempre lutando com vários personagens que muitas vezes não apresentam dificuldade alguma e a repetição de mapas, às vezes. Mas ainda assim é um bom jogo para se aliviar o estresse ou aquela fúria de perder sempre para o mesmo inimigo em um jogo, podendo aqui limpar metade do mapa com um só golpe.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Prós

  • Batalhas incríveis
  • Roster grande com 43 personagens
  • Mapas satisfatórios
  • Gráficos a par da animação e manga

Contras

  • Trilha sonora pouco notável
  • Um pouco enrolado para evoluir
  • Em certos momentos a legenda muda de língua sozinha
4 comentários
Subscribe
Notify of
guest
4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Evandro Rezende
Evandro Rezende
2 anos atrás

Então tô querendo saber como que ganhar o troféu do dinheiro desse jogo só falta ele pra eu platina

Caco
2 anos atrás

Boa tarde Evandro! Cara qual troféu especificamente você quer saber? Talvez eu possa ajudar.

Caco
2 anos atrás
Reply to  Caco

Até aonde me lembro os dois troféus relacionados a moedas neste game são o de coletar 50 ou mais tipos de moedas de upgrade diferentes. Ou 100 milhões de Berryes ou mais.

Evandro Rezende
Evandro Rezende
2 anos atrás
Reply to  Caco

O de 100 milhões

Publicidade
4
0
Would love your thoughts, please comment.x