Conecte-se conosco

Reviews

Review – Resident Evil Revelations

Publicado

em

resident evil revelations bg

Resident Evil: Revelations foi originalmente lançado para Nintendo 3DS em 2012 e, no ano seguinte, ganhou uma versão HD para PS3, Xbox 360 e PC. Eis que a Capcom decidiu levar sua versão HD também para a atual geração. Ambientado entre os eventos de Resident Evil 4 e 5, o jogo veio para preencher algumas lacunas e trazer de volta o estilo Survivor Horror e o ar clássico dos primeiros Resident Evil que tanto conquistou os gamers.

É maior por dentro!

No jogo temos como principais personagens o retorno da Jill Valentine, para a alegria dos fãs, e Chris Redfield, ambos em missão com parceiros diferentes (Parker e Jessica, respectivamente). A história gira em torno do incidente que devastou a cidade de Terragrigia, cujo objetivo agora é localizar, identificar e impedir os bio-terroristas que planejam jogar o vírus nos oceanos, o que nos leva ao palco do jogo. Tudo acontece dentro do navio Queen Zenobia (que se assemelha muito com a mansão do primeiro jogo), encontrado à deriva no meio do oceano por Jill. Mas não se engane, se você achou que um navio como ambiente seria muito pequeno, esquece, o navio é muito maior do que parece. É tipo a nave do Doctor Who!

No entanto, não é apenas o navio que aparece. Com a história dividida por capítulos e sendo alguns feito por flashbacks, acabamos por vezes indo parar em Terragrigia ou no meio da neve. E para que nenhum jogador se perca na história, antes de cada capítulo acontece um resumo com os principais fatos.

rerev 2013 05 25 23 48 52 64

A tentativa de modernizar os clássicos valeram muito a pena, mas ainda assim, sendo para a nova geração, os gráficos tem seus maus momentos. Ao mesmo tempo que vemos as personagens principais bem detalhadas, as demais personagens pareciam ter vindo das gerações passadas sem qualquer tipo de modificação. No geral, tem um visual bem bonito, porque os ambientes também foram bem trabalhados, mas o melhor dos gráficos fica mesmo é com as animações. Os inimigos tem linhas simples e às vezes aparecem do nada, somem do nada, atravessam obstáculos sólidos…Bugs que estamos cansados de ver na maioria dos jogos.

O controle, adaptado da versão de 3DS, é muito simples mas as personagens tem bastante mobilidade, apesar da câmera presa e das duas opções de locomoção: andar e fingir que corre; infelizmente a corrida é bem lenta, mas não chega ao ponto de atrapalhar. Outra coisa que pode causar estranhamento aos novos gamers é que não existe o “pular”, o personagem só vai pular se o comando aparecer na tela e para isso você vai usar o mesmo botão de ação que usa pra todo o resto, como abrir uma porta.

O mesmo game, poucas melhorias

Resident Evil Revelations é bem fluido: roda em 1080p com taxa de animação melhorada, mais detalhes nos cenários e movimentos refinados das criatura. Quanto à aventura, quem esperava por puzzles complicados como os clássicos vai se decepcionar, pois tudo o que temos é a procura por chaves para abrir portas específicas, a não ser que você considere o labirinto interminável que é o navio como um puzzle. Algo que também é bem simples são os menus. O inventário de armas, munição e itens é bem prático e as modificações bem simples. Não tem como se confundir ou se perder neles.

2

A campanha solo pode parecer pequena aos olhos dos jogadores da atual geração, mas como complemento o Resident Evil Revelations oferece o modo Raid. Dois jogadores, ou você sozinho, enfrentam os inimigos nos ambientes já conhecidos do jogo. O que muda é que não há história, somente o shooter (o bom e velho Mercenário). Cada ambiente traz inimigos diferentes, mas o verdadeiro vilão é o tempo. Quanto mais rápido você termina, mais XP você ganha e quanto mais experiência, mais e melhor equipamentos você tem acesso. Há também a liberação de mais personagens que o jogador pode usar tanto no modo Raid quanto na campanha, e cada personagem tem suas habilidades específicas.

No geral, o jogo vale muito a pena. Seu ambiente de suspense prende o jogador e há alguns momentos de muita ação, com tiro pra todo lado. Uma dica bem interessante que devo dar pra vocês é: olhem para todos os lados! Nunca se sabe da onde vai sair um inimigo ou onde você vai encontrar itens!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Prós

  • Gráficos melhorados
  • Jogabilidade simples, mas funcional
  • Ambiente de suspense
  • A volta da Jill Valentine

Contras

  • Personagens secundários com gráficos ruins
  • História curta
Clique para comentar
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x