Conecte-se conosco

Reviews

Review – Sam & Max: Beyond Time and Space Remastered

Publicado

em

Sam Max BTSPR bg Gamerview 1

Treze anos após seu lançamento original, a Skunkape trazem de volta outras aventuras dos famosos “policiais freelance” em Sam & Max: Beyond Time and Space Remastered. Como se o primeiro jogo da série não tivesse sido loucura o suficiente, a segunda temporada de histórias da dupla vai trazer mais maluquices ainda!

Continuando com seu humor escrachado e voltado para um público mais adulto, as aventuras de Sam & Max sempre navegaram esse limiar de insanidade cômica. Com o primeiro jogo sendo lançado pela LucasArts e os outros três pela Telltale Games, temos um jogo voltado para solução de enigmas, mistérios e exploração. Afinal todo detetive precisa de uma mente afiada e olhos treinados!

Papai Noel, vampiros e moais viajando pelo tempo

Após um bom tempo na geladeira Sam & Max tiveram seu retorno pela Skunkape em 2020. Em um remaster da primeira temporada de aventuras da dupla. Conhecida apenas como Sam & Max Save the World. Sam & Max: Beyond Time and Space Remastered continua diretamente logo após os eventos de Save the World.

Imagem do revie de Sam & Max: Beyond Time and Space Remastered
Talvez, depende do meu humor e do fator, estamos na neve?

Porém a trama é bem mais interpretativa e solta, fazendo que atenção e foco sejam chave para entender o que se passa. Nos primeiros capítulos descobrimos que Papai Noel está completamente biruta e provavelmente possuído. Afinal a dupla recebeu seu presente de natal adiantado, na forma do robô Maimtron 9000, que deseja destruir os dois. Afinal o desejo é um direito de todo ser pensante, já diz o filósofo autômato em suas falas.

Após lidar com o robô a dupla se dirige ao polo norte, para descobrir o que se passa com o velho Noel. Porém conseguem apenas confirmar que o mesmo está com um pé de bode dentro do corpo. Para salvar o velhinho, a dupla precisa realizar um complicado ritual que envolve um disco de músicas satânicas infantis, um playset dos cavaleiros do apocalipse e muita sorte.

No entanto, as aparências podem enganar e a aventura pelo tempo e espaço da dupla pode estar sendo manipulada por outros seres. Então seja em Nova York, polo norte, castelos de mortos vivos baladeiros ou na ilha de páscoa, nenhum mistério e complicado demais para a dupla Sam & Max.

Imagem do revie de Sam & Max: Beyond Time and Space Remastered
Eu não poderia ter dito melhor.

Viajando pelo espaço-tempo

Com cinco capítulos a história de que os jogadores irão experimentar com certeza irá marcar. Afinal de contas o escopo total da história é extremamente bizarro, com planos de golpe de estado no inferno e até mesmo uma organização conhecida como T.H.E.M, ou Base Temporal de Mariachis Elucidados.

A história e recheada de humor e possui inúmeros pontos de interação, fazendo com que piadas, pistas e fragmentos da história sempre. Porém o fato de ser um jogo todo em inglês, pode acabar dificultando o acesso maior ao público que não tem tanto domínio da língua inglesa.

Justamente essa barreira linguística pode acabar atrapalhando o desenrolar da história para alguns jogadores. Uma vez que Sam & Max: Beyond Time and Space Remastered se apoia muito mais no gênero de quebra cabeças que outros títulos da telltale como The Walking Dead. Não que seja impossível jogar sem entender inglês, mas você provavelmente não vai entender o que liga o inferno ao Papai Noel.

Imagem do revie de Sam & Max: Beyond Time and Space Remastered
Esse puzzle inteiro é bem complexo.

Para facilitar e equilibrar as coisas é possível usar dicas também através dos cenários. Estas dicas irão iluminar todos os objetos e NPCs com os quais Sam pode interagir, coletar ou questionar. Nunca deixe de interagir com nada, pois neste universo até mesmo a cabeça da estátua de Lincoln tem algo a dizer, isso enquanto não tenta dar em cima de uma gatinha.

Arrumado e pronto para brilhar

Em 2010 joguei grande parte da aventura original da Telltale, na época os gráficos já eram bem agradáveis. Porém o remaster do jogo deixa tudo ainda mais bonito com o uso de luz dinâmica, modelos retrabalhados dos personagens e aspect ratio de 16:9. Mas admito que o original ainda tem um lugar no meu coração por me lembrar mais do antigo desenho. Tanto na TV via dock do Switch, ou no modo portátil o game não sofre quedas de FPS ou travamentos

Isso é apenas um dos vários detalhes que mostram que a Skunkape estava realmente decidida em fazer um excelente jogo. Até mesmo a arte das capas da trilha sonora são semelhantes as originais. David Nowlin e Andrew Chakin parecem voltar para os papeis de Sam & Max respectivamente, dando um ar ainda maior de familiaridade ao jogo para aqueles que já viveram as aventuras passadas da dupla.

Imagem do revie de Sam & Max: Beyond Time and Space Remastered
Papai Noel está pronto para reinventar o natal.

Sam & Max: Beyond Time and Space Remastered foi uma excelente continuação para a primeira temporada remasterizada pela Skunkape. Afinal apenas pegou o que já havia de bom e apenas poliu para as gerações atuais. Uma excelente aventura espera novatos e veteranos das ruas de Nova York aqui.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Prós

  • Excelente narrativa
  • Humor acido, mas totalmente pastelão
  • Criativo e cativante
  • Excelente trilha sonora e sonoplastia
  • Grande direção de arte

Contras

  • Desafios frustrantes as vezes
  • Barreira linguística
Clique para comentar
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
0
Would love your thoughts, please comment.x