Conecte-se conosco

Reviews

Review – Space Cows

Publicado

em

Space Cows bg

Em algum lugar da internet, você já deve ter lido que uma boa história sempre começa com um copo de leite! Space Cows conta uma história diferente, cheia de humor e, claro, tem leite em abundância, o que pode ser mais uma evidência de que as afirmações da internet são reais.

A aparência infantil de Space Cows pode te enganar e esconder momentaneamente as suas características de Twin-Stick Shooter. Na verdade, aqui temos um título infernal com fases extremamente desafiadoras, em que suas principais armas serão um desentupidor e flatulências para combater as exageradas hordas de Mootantes em uma estação espacial bastante incomum.

Resgatando o leite das crianças

A maluquice começa quando a vaca Betsy e muitos outros bovinos são sequestrados e levados para uma estação espacial. O dono destes animais é Best Regards, um fazendeiro rechonchudo. Para salvar sua amiga e todos os outros, o personagem se disfarça de vaca para que (obviamente) também seja levado pelos seres alienígenas. Aqui, Best precisa enfrentar diferentes criaturas e sobreviver aos diversos tipos de obstáculos para reencontrar seus animais.

Imagem do jogo Space Cows
Talvez este equipamento te leve para casa!

A estação espacial de Space Cows tem gravidade zero, o que faz com que o personagem flutue pelos cenários em movimentos bastante suaves. Para maior agilidade, ele estará sem seu disfarce e o que você verá na tela é um herói incomum: um fazendeiro piadista vestindo apenas cueca, camisa, um capacete e, porque não?, seu desentupidor, com o qual enfrentará tudo que vier pela frente.

Flutuar pelos cenários garante uma movimentação agradável e pode dar a sensação de que as coisas por aqui serão fáceis mas, acredite, em pouco tempo, o jogo te obrigará a ter reflexos excelentes para desviar de hordas intensas de inimigos, lasers e obstáculos. Logo, você vai perceber que o movimento muitas vezes vai atrapalhar na precisão das suas esquivas e é aí que você começa a morrer diversas vezes por erros extremamente bobos. Se acostumando com a movimentação, você consegue ter mais agilidade para desviar nos momentos certos.

Best Regards não se envergonha de usar suas flatulências ao seu favor pois, além de exalarem seu fedor incomodativo, os gases também vão servir para impulsioná-lo, ajudando na esquiva e proporcionando uma invencibilidade momentânea, que é necessária para ultrapassar os mais variados tipos de lasers que existem nas fases de Space Cows.

Imagem do jogo Space Cows
Se você não pode passar por este laser, morreremos juntos!

Por vezes, você ficará trancado em salas para enfrentar imensas hordas de extraterrestres. Alguns são fáceis de eliminar, bastando um tiro para derrotá-los, enquanto que outros possuem escudos e seu desentupidor não será eficaz, a não ser que você seja capaz de rebater os tiros para quebrar essa proteção. Nestes momentos, o botão ZR do seu Switch vai chorar de tanto que você irá pressioná-lo, pois os disparos não são automáticos, assim é preciso executar o comando repetidas vezes até eliminar todos os inimigos. O problema é que o jogador pode cansar e levar danos neste curto período, já que, ao mesmo tempo, é preciso estar atento aos outros comandos, como a mira, a movimentação e, por vezes, as flatulências.

Em Space Cows, o personagem possui habilidades como o Slowmoo, que, por um curto período, deixará tudo bem lento. Assim você consegue destruir aquela maldita arma laser e, conforme destrói seus inimigos, você também enche a barra de raiva que, quando acionada, libera golpes poderosos para destruir de vez aquela horda gigantesca mas, mesmo com todo este poder, o tiro não será automático.

Imagem do jogo Space Cows
Ok, Eu desisto! Só me levem de volta para a Terra!

Deixando as vacas de lado

O jogo é extremamente difícil até mesmo no nível fácil. Entretanto, a maior frustração durante as fases (além desta dificuldade) são os checkpoints pois, mesmo havendo dois ou três pontos de verificação (no nível fácil), eles estão longe um dos outros e, quando você morre, terá que refazer boa parte do progresso. Isso também revelou uma característica estranha de Space Cows: um jogo deste gênero não deveria possuir fases tão longas, ainda mais com comandos que podem cansar o jogador, cansaço que piora se você optar por jogar no modo portátil do Switch, já que você também precisa segurar o console. Já que são compridas, o ritmo dessas telas poderia dar um pouco mais de folga, com momentos apenas de superação de obstáculos.

A progressão deste jogo também é um pouco estranha: quando você termina uma fase, é possível visualizar o que foi coletado, sua pontuação e outras coisas, porém este é o único momento para ver tais registros. Nos menus, não há nada sobre as fases concluídas. Todos os níveis possuem vacas para resgatar, afinal é para isso que estamos aqui, mas, no fim das contas, elas apenas liberam os minigames que podem te recompensar com vidas extras dependendo da sua pontuação. Não há, por exemplo, um local dizendo quantas vacas você já coletou, ou seja, isso não importa muito, por mais que seja a motivação do personagem.

Imagem do jogo Space Cows
Os minigames de Space Cows são simples, mas exigem bastante atenção.

Ainda sobre com relação aos checkpoints, se você alcançar um ponto de verificação e mais adiante morrer, quando voltar neste ponto salvo, a quantidade de orbes de leite (itens que você coleta para ganhar vida extra) será zerada e as vacas encontradas antes deste ponto não serão contabilizadas ao final da partida, o que reforça a estranheza da progressão de Space Cows. Por mais glorioso que seja vencer as hordas de inimigos, é frustrante não ser recompensado com uma pontuação, coletáveis ou ver que tudo foi em vão mesmo chegando aos checkpoints. Espero que isso possa ser corrigido em futuras atualizações.

Quando você começar a progredir nas fases, vai perceber o quão suicida é a ideia deste fazendeiro e também que os ambientes têm um visual muito semelhante entre si, mudando apenas alguns objetos e formatos. As criaturas, por outro lado, possuem boa variedade e golpes específicos. Já a trilha sonora não é algo que chame muita atenção, ainda mais com os recorrentes efeitos sonoros dos seus peidos.

Imagem do jogo Space Cows
Sai pra lá bicho estranho!

Além dos efeitos sonoros de peidos engraçados, o personagem conta diversas piadinhas com vários trocadilhos com a situação. Talvez essa seja uma tentativa de aliviar a tensão do jogo, mas funcionaria melhor se houvesse legendas para esses diálogos. Felizmente, os textos dos menus, dicas nas telas de carregamento (que aliás demoram ao ponto de ser um pouco incômodas) estão todos em português e há também algumas piadinhas que podem te acalmar entre uma morte e outra.

Space Cows é definitivamente um jogo difícil, o seu visual é apenas um alívio cômico para fases que vão roubar a sua paciência. Salvar essas vacas será um trabalho árduo e talvez inútil, pois nem dá pra saber para onde é que elas estão indo após serem resgatadas, já que não há um registro disso. Entretanto, se você não se importar com os coletáveis e tiver certeza de suas habilidades para enfrentar desafios absurdos, esse aqui é um bom título. Por precaução, é bom ter um copo de leite à disposição, ele talvez te ajude a manter a calma.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Prós

  • O visual é cômico
  • Está cheio de piadinhas e trocadilhos
  • A movimentação é suave e bem produzida

Contras

  • Não há registro de progresso
  • Checkpoints muito distantes um dos outros
  • Não tem disparo automático
  • O checkpoint não guarda os itens que você coletou anteriormente
Clique para comentar
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
0
Would love your thoughts, please comment.x