Conecte-se conosco

Reviews

Review – The Awesome Adventures of Captain Spirit

Publicado

em

The Awesome Adventures of Captain Spirit bg

Fiquei animado quando The Awesome Adventures of Captain Spirit foi anunciado durante a E3, mas logo me questionei se seria uma mera demonstração do próximo jogo. Eis que finalmente ele foi lançado e, para a minha felicidade e apesar da curta duração, não se trata apenas de uma demo, pelo menos não como estamos acostumados a ver. Na verdade, Captain Spirit é um título único e que ainda instiga a ansiedade por Life is Strange 2.

Captain Spirit é um jogo de aventura com foco na narrativa, ou seja, os diálogos, suas escolhas e a maneira como você interage com as coisas vão moldar as possibilidades narrativas. O jogo ainda possui uma trilha sonora excelente, uma bela ambientação e um protagonista carismático. Esteja preparado para se emocionar!

Reviva sua infância

Desde o início, The Awesome Adventures of Captain Spirit se mostra bastante cativante: apresentando o ambiente do jogo e detalhes do cenário com uma música agradável, que toca em primeiro plano. Em seguida somos apresentados a Chris, um menino de 9 anos com uma imaginação bastante fértil. Inicialmente fazemos algumas escolhas para desenhar a fantasia que o garoto usará durante o jogo, e dependendo dessas escolhas nossos objetivos serão diferentes. Quando ganhamos liberdade para explorar, abre-se outro leque de escolhas e possibilidades ao interagir com os diversos objetos no quarto de Chris ou, caso seja a nossa vontade, podemos imediatamente sair deste ambiente para explorar o restante da casa.

Imagem do jogo The Awesome Adventures of Captain Spirit
Medo leva à raiva, raiva leva ao ódio e o ódio leva ao sofrimento.

Algo interessante neste jogo e que já acontecia em Life is Strange é que sutilmente somos alertados sobre o que fazer adiante, evitando que o jogador se perca e fazendo a história avançar.  Esses alertas vem na forma de pensamentos do próprio personagem, indicando um desejo, ou através de chamados do ambiente. Um exemplo disto é quando estamos explorando o quarto de Chris e seu pai o chama para o café. Podemos permanecer no quarto mesmo que nossa resposta tenha sido “Ok, estou indo!”, mas isso faz diferença quando finalmente decidimos atender ao chamado, deixando o pai irritado com a falta de obediência do garoto e afetando os diálogos seguintes – em outra ocasião, esses mesmos diálogos seriam mais amigáveis.

Como de costume na série Life is Strange, o jogo também possui alguns momentos de reflexão e, dependendo do seu envolvimento com o jogo, esses momentos provavelmente proporcionarão algumas lágrimas, se não uma emoção muito forte.

Quem já jogou o título anterior ou outros do gênero adventure saberá que é importante estar atento ao contexto e ao rumo que a história está tomando, afinal o tempo corre e de alguma maneira e todo cuidado é necessário para não ultrapassar seus objetivos sem que antes os complete. No entanto, The Awesome Adventures of Captain Spirit permite que, após a conclusão de sua história, o jogador volte atrás para desbloquear segredos e encontrar referências ao universo pré-estabelecido em Life is Strange.

Imagem do jogo The Awesome Adventures of Captain Spirit
A primeira coisa que eu mais queria na infância era brincar na neve. A segunda era ter uma casa na árvore.

Alguns objetivos da história podem ser difíceis de decifrar e é preciso observar os objetos com os quais podemos interagir, além de ler conteúdos que enriquecem a narrativa e ajudam a ligar os pontos quando tiver que solucionar um quebra-cabeça, como por exemplo a senha para desbloquear um cadeado. Ainda assim, caso as coisas fiquem difíceis, obtemos dicas através dos pensamentos de Chris para ajudar.

Moldando o futuro

As brincadeiras de Chris ainda envolvem escolhas entre atitudes egoístas e bondosas, e sua aspiração em ser um super-herói prometem afetar profundamente a narrativa. Essas decisões obviamente tem a ver com o contexto geral de seu universo e é interessante que cada jogador descubra à sua maneira. Por enquanto, essas escolhas ainda não possuem um impacto imediato, mas há indicações de que algumas delas já estão moldando a experiência para o próximo jogo.

É uma pena que a experiência de The Awesome Adventures of Captain Spirit seja tão curta, mas por outro lado foi uma ideia maravilhosa introduzir o jogo desta maneira, tornando-se diferente de outras demonstrações por ser tratado praticamente como um título único, que provavelmente será continuado em setembro quando a DONTNOD estrear a nova temporada de Life is Strange. Também é uma maneira de convidar novos jogadores ao gênero do adventure narrativo – são poucas horas de jogatina, mas que apresentam uma narrativa extremamente forte e realmente emocionante, além de alimentar a curiosidade pelo próximo título.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Prós

  • Trilha sonora cativante
  • Gráficos bonitos
  • Narrativa emocionante
  • Legendado em português

Contras

  • Curta duração
Clique para comentar
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
0
Would love your thoughts, please comment.x