Conecte-se conosco

Reviews

Review – This War of Mine: Stories – The Last Broadcast

Publicado

em

the last broadcast

Originalmente lançado em 2014, This War of Mine é um jogo de estratégia e sobrevivência que, ao invés do clássico clichê de jogos de guerra onde você controla um soldado super treinado e bem armado, permite que você gerencie um abrigo e um grupo de civis. Desenvolvido e distribuído pela empresa 11 bit Studios, o jogo independente foi um sucesso de crítica, abordando de forma pesada o clima tenso que uma guerra gera para pessoas comuns. Decisões extremamente complicadas e éticas dão o tom do game, como por exemplo escolher entre roubar comida de velhinhos ou morrer de fome. Complicado, não?

O jogo segue uma mecânica de dia e noite. De dia você não pode sair do abrigo e passa seu tempo construindo melhorias e curando seus feridos. Enquanto a noite você organiza um grupo que vai coletar suprimentos pela cidade devastada. O fator replay é insano, não dá vontade de parar de jogar.

Imagem do jogo This War of Mine: Stories - The Last Broadcast
Malik e Esma são um casal que tenta sobreviver em meio ao caos da guerra

Mais imersão na história

Um pequeno detalhe é que mesmo cada personagem tendo um background, o jogo não tem uma história muito clara. É quase que um sandbox onde você vai escrevendo cada capítulo. Tendo isso em mente, This War of Mine: Stories tenta trazer ainda mais o fator emoção pra dentro do game, com histórias fechadas e bem construídas. Em The Last Broadcast, você assume o controle de um casal: Malik e sua esposa Esma. Ele é um radialista que, após um acidente, se torna dependente de muletas, mas não abandona seu ofício jamais, transmitindo de maneira clandestina informações e acontecimentos de seu esconderijo, seu antigo emprego que agora está em ruínas. Esma é quem assume o papel de batedora e coletora de mantimentos durante a noite, e é também quem entrega a Malik grande parte das informações que ele vai compartilhar via rádio.

Gerenciar suprimentos aqui é ainda mais complexo do que no jogo anterior. Malik é totalmente dependente de Esma, o que o torna bastante depressivo por se sentir um peso. Já Esma cumpre com bastante afinco o seu papel, por vezes se questionando se estão mesmo fazendo a coisa certa.

Quer outros exemplos de decisões difíceis? É preciso escolher quem vai comer em determinado dia: Malik que está doente ou Esma que precisará sair a noite novamente atrás de mais mantimentos? Chegou uma nova informação, divulgá-la pode salvar vidas, mas com certeza vai irritar os militares e atrair atenções indesejadas. E agora? Novamente o fator replay se torna algo fantástico. Iniciar uma jogatina de This War of Mine: Stories – The Last Broadcast certamente vai te deixar preso por um bom tempo e, quando você parar, vai pensar o que aconteceria se tivesse feito tal coisa diferente.

Imagem do jogo This War of Mine: Stories - The Last Broadcast
Esma precisa sair a noite para procurar por suprimentos

Uma guerra crua e visceral

O visual do jogo segue belíssimo, com uma movimentação bem feita em cima de um traço rabiscado bem bonito. Os controles são bem simples e pode ser jogado com teclado e mouse ou com um gamepad.  A trilha sonora também tenta te colocar dentro desse clima melancólico de uma cidade devastada pela guerra, cumprindo com maestria a função.

Infelizmente, o jogo acaba se tornando extremamente linear e previsível, se você falhar na missão e tiver que reiniciar no dia anterior todos os acontecimentos serão exatamente os mesmos. Uma certa aleatoriedade nas ocorrências traria ainda mais desafio. Isso tira um pouco do brilho, mas não chega a ser um fator que desabone a beleza do jogo.

Imagem do jogo This War of Mine: Stories - The Last Broadcast
O visual do jogo é bonito e adiciona a melancolia que o ambiente pede

This War of Mine: Stories – The Last Broadcast é uma oportunidade para quem jogou revisitar esse belo título, ou pra quem nunca jogou (como eu) finalmente conhecer essa belíssima obra, que vai mexer com você de uma forma que poucos games conseguem. O clima pesado e as decisões difíceis tornam esse jogo recomendado para pessoas com um pouco mais de estômago, que vai ser fortemente socado por  This War of Mine: Stories – The Last Broadcast. Recupere o ar e respire fundo pois aqui a guerra não tem o menor glamour, é triste, cruel e injusta.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Prós

  • Ainda mais imersão
  • Aquele tipo de jogo que mexe contigo
  • Fator replay gigantesco

Contras

  • Um pouco linear demais
Clique para comentar
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
0
Would love your thoughts, please comment.x