Conecte-se conosco

Reviews

Review – Warhammer 40.000: Mechanicus – Heretek

Publicado

em

Imagem de Warhammer 40,000 Mechanicus - Heretek_BG

Como se não bastassem os problemas a serem enfrentados em Silva Tenebris, o mais recente dos planetas Necron descobertos, as dificuldades na vida de Magos Dominus Faustinius, no caso, você, só aumentam. Aproveitando o momento de confusão nas hierarquias, alguns tecno-clérigos rebeldes se unem e decidem que ir contra a ordem e o progresso da civilização parece uma boa ideia (o que em casos parecidos em países da América Latina, pode ser mesmo).

É neste cenário que nos deparamos com o primeiro DLC de Warhammer 40.000: Mechanicus chamado de Heretek. A Kasedo Games, em parceria com a Bulwark Studios, adiciona mais uma campanha a este jogo já excelente. Essa adição alcança a barra de qualidade montada por Mechanicus ou vai ser considerada uma herege perante o Império?

Te excomungo!

Warhammer 40.000: Mechanicus – Heretek adiciona uma nova campanha para ser experienciada durante a história principal. Da maneira com a qual a seleção de missões do jogo funciona, fica bem tranquilo com que sejam adicionadas diversas campanhas paralelas como esta de forma independente.

Permitindo que estas missões sejam selecionadas a partir de um certo momento do jogo, entramos em um certo desvio na narrativa básica para vivenciar esta tentativa de rebelião (ou revolução, depende do ponto de vista).

Imagem de Warhammer 40,000 Mechanicus - Heretek
Mais ataques de oportunidade que discurso de coach.

Incomodados com a situação de vida no Império, um conjunto de tecno-clérigos e outros Skitariis decidem se unir em uma milícia para derrubar o governo. E, como todo bom resolvedor de problemas, você é direcionado para suprimir a rebelião.

A grande novidade da expansão é a inversão no direcionamento dos combates. Enquanto no jogo base nossos principais inimigos são os Necron, em Heretek, enfrentamos nossos próprios irmãos. Ou, no momento atual, ex-irmãos.

Essa alteração faz com que toda a maneira de se pensar nos combates seja alterada. Saber das capacidades dos inimigos nos obriga a alterar as estratégias de enfrentamento. O problema chega quando percebemos o nível das habilidades dos hereges. Não são meros iniciantes que decidiram se rebelar, a revolta chegou aos altos escalões do Império.

Imagem de Warhammer 40,000 Mechanicus - Heretek
Eu acho que estou com problemas.

Também existe uma alteração grande no visual dos mapas, trazendo uma face menos alienígena e mais focada em ambientes industriais. Ou, para ser mais claro, uma mistura entre as fases de fábrica de Donkey Kong e o final de Terminator 2.

E é aí mesmo que se finalizam as novidades trazidas por Warhammer 40.000: Mechanicus – Heretek. Não chega a ser algo totalmente inovador, ou praticamente um novo jogo, mas traz uma variação divertida para quem já havia experienciado tudo o que Mechanicus tinha a oferecer desde seu lançamento.

Acaba por ser um pouco curta se analisarmos somente o que o DLC adiciona, porém por estar espalhado durante a campanha base do jogo, ela se dilui e torna-se quase imperceptível, para bem e para mal. Além disso, pelo valor que está sendo lançada, o preço é razoável por si só, mas não faz sentido com o valor do jogo base.

Imagem de Warhammer 40,000 Mechanicus - Heretek
Justiça pelo Poder. Sempre uma solução razoável.

Assim sendo, se você gostou de Warhammer 40.000: Mechanicus e já espremeu tudo o que o jogo tem para oferecer, dê uma chance a Heretek. Caso contrário, aproveite para se dedicar ao jogo base até que o valor da expansão fique mais açucarado em uma promoção.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Prós

  • Traz novidades interessantes
  • Amplia a narrativa
  • Desenvolve o universo

Contras

  • Relativamente curta
  • Adiciona poucas novidades
Clique para comentar
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
0
Would love your thoughts, please comment.x